“O Memorando de Aachen” de Andrew Roberts

Andrew Roberts

Andrew Roberts

  “Maio de 2045. A estação de Waterloo passou a chamar-se estação de Maastricht, Nelson  desapareceu do seu pedestal na agora Delors Square, a Inglaterra é apenas uma região menor nos poderosos Estados Unidos da Europa.
Quando o Dr. Horatio Lestoq, investigador da Universidade de Oxford e jornalista freelancer, descobre em circunstâncias suspeitas o cadáver de um almirante nonagenário, vê-se subitamente envolvido em muito mais do que um crime – depara-se-lhe um escândalo de enormes proporções, que parte do próprio coração do corrupto, burocrático e xenofóbico superestado europeu, que nos últimos trinta anos, desde do Referendo de Aachen, quase apagou a identidade nacional britânica.
Construído como um thriller, o Memorando de Aachen – que assinala a estreia como romancista do historiador Andrew Roberts – é uma sátira magistral (e muito inglesa…) daquilo em que se pode vir a tornar a Comunidade Europeia.”

in contracapa das Edições Asa.
Preço: 14,70€, com 10% de desconto.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s